O poder da chuva

Soneto em Duas Rodas
Santo Pedro manda pra todos um recado
que só consegue ouvir quem está molhado.
É pra se ter de ouvido:
“Você tá vivo, menino!”
Chame a chuva pra chinfra; vem a chuva,
e o cheiro de chuva em chamas chamusca.
Chove em Quixotes
uma chuva-chicote.
Montados em suas magrelas
(que tratam como donzelas)
encontram-se seres humanos.
Cicloquixotes que chovem sozinhos
enfrentando gigantes-moinhos
voando ligeiro, anjos urbanos. 
Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para O poder da chuva

  1. rá! adorei essa ilustra aí, me senti como essa menina hoje…desci a av.sumare de bike, uma chuva fortissima caia! nao invejei os que estavam nos carros, muito pelo contrario! senti cada gota que caia, refrescando o suor… delicia!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s